Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Cogito, ergo sum.

  COGITO, ERGO SUM .  (Penso, logo existo. Axioma em latim do filósofo René Descartes.) Na rubrica Cogito, ergo sum , pretende-se divulgar os textos de opinião dos alunos do Agrupamento, textos esses que, muitas vezes, são já uma sólida materialização do pensamento crítico do seu autor. A disciplina de Português é um contexto de aprendizagem que favorece a formação de cidadãos capazes de pensar crítica e autonomamente, a par de desenvolver a sua capacidade de criatividade e comunicação. Eis um dos desígnios preconizados no Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. O texto que se publica foi redigido numa aula de Português do nono ano, no regime presencial, sendo, posteriormente, alvo de um mero aperfeiçoamento linguístico. As cogitações são genuínas.     Vacinação Covid-19   Após tantos meses de aflição, devido à pandemia vivida no último ano, várias vacinas têm sido apresentadas ao mundo. A Pfizer e a Moderna têm sido as escolhas cientificamente mais fiáveis, be
Mensagens recentes

Newsletter de janeiro de 2021

 

Museu do Prado itinerante - projeto do Agrupamento de Escolas da Damaia

  A SUSTENTÁVEL LEVEZA DA ARTE   Janeiro chegou e deu novo rumo à exposição Museu do Prado itinerante. A bússola apontou o caminho em direção à EB 1/JI das Águas Livres e a arte, com leveza, seguiu até lá.   Nesta penúltima viagem da exposição por estabelecimentos do Agrupamento de Escolas da Damaia, foram 150 as crianças e mais de 13 os profissionais que puderam apreciar as telas. Durante uma semana, o corredor principal tornou mais lento o acesso à brincadeira do recreio. Era inevitável parar e conviver com os quadros. Quem por aquele corredor passava desviou seguramente o olhar até às históricas telas da pintura europeia. O tempo começava com o Autorretrato de Dürer, nos finais do século XV, e só parava com Sorolla, no alvor do século XX. Uma visita guiada, grupo a grupo, foi proporcionada às duas salas do jardim de infância, ao 1.º A, 1.º B, 3.º A, 3.º B, 4.º A, 4.º B e 4.º C, complementando-se, desse modo, o livre acesso à arte. Em torno da exposição do Prado foram e estão

CONCURSO LITERÁRIO - 1.ª FASE

  Em Dia de Reis, a escrita foi rainha N o Dia de Reis, teve lugar a 1.ª fase do concurso literário da Escola Básica 2, 3 Prof. Pedro D’Orey da Cunha. Foram 30 os alunos do 2.º e do 3.º ciclos que quiseram participar na atividade. Durante 100 minutos, os concorrentes puderam pôr à prova a sua imaginação em duas propostas distintas de escrita. A primeira produção escrita a todos concedeu a liberdade na escolha do tema e da forma. Os mais novos precisaram de algum apoio para se certificarem da diferença entre prosa e poesia. Os esclarecimentos foram prontamente dados em nome da aquisição de aprendizagens e o quão gratificante é ver os alunos a aprender nestas iniciativas pedagógicas. Os dois andamentos da literatura - a prosa e a poesia - , na verdade,   não se perdem em competições e, se se unirem, seguramente que germinará em harmonia a prosa poética. O segundo momento de escrita ficou subordinado aos cânones do texto narrativo e ao valor da solidariedade. Alguns escritores do

Atividades de Natal - Grupos disciplinares de Português e de Línguas Estrangeiras

  CELEBRAÇÃO DO NATAL NOËL/CHRISTMAS/NAVIDAD CHRISTMAS DANCE WORKSHOP   A celebração do Natal levou os alunos do 3.º e do 4.º anos da Escola Padre Himalaia e da Escola das Águas Livres a uma nova atuação, dinamizada pela disciplina de Inglês do 1.º ciclo, no dia 18 de dezembro. As turmas participaram na atividade Christmas Dance Workshop e, ao ritmo do Santa Claus is coming to town , alguns alunos do 2.º ciclo tiveram oportunidade de integrar a performance dos colegas mais novos. Situadas entre os textos de alunos da Pedro D’Orey e os de autores portugueses consagrados estiveram as atividades natalícias de Português do 2.º e do 3 .º ciclos. Os textos, à medida que iam sendo expostos na sala de aula de cada turma e no pavilhão B, mostravam os sempre apressados dias de dezembro. Os alunos de PLNM, por seu turno, através da elaboração de um e-mail desejaram as Boas Festas a uma amiga imaginária numa terra distante e com ela partilharam uma receita culinária típica do seu pa